4 Responses to “Os leitores estimáveis que me perdoem!…”

Read below or Comentar...

  1. Não é verdade.
    O senhor só publica elogios.
    Breve vou eu publicar no meu blog um apanhado sobre si.
    Lá, não há censura, pode escrever o que lhe apetecer, bom ou mau.

  2. Ademar Santos says:

    O “senhor” (escrevo assim, entre aspas, porque não sei quem se esconde atrás do nome que usa) tem uma fixação qualquer na minha pessoa. E uma parte dos comentários que me manda, a coberto sempre do anonimato, são… injúrias ou insinuações canalhas. Evidentemente, não publico. Quando não tenta agredir o autor, eu publico, sejam concordantes ou discordantes. Talvez não devesse, mas faço-o. Para que perceba que só “censuro” a calúnia…

  3. Pedro Barroca says:

    Solidarizo-me com o autor deste blog.
    Se a estima pelo que aqui leio fosse inferior ao meu desejo ou necessidade de o criticar não viria aqui regularmente.
    Obviamente!
    Sendo este o blog de um autor, é esta a sua casa aberta ao mundo. Viva pois a sua liberdade de expressão e livre opinião.
    Há quem confunda a casa de cada um com tascas onde arruaceiros destilam alarvemente as suas azias.

  4. Carlos Patrício says:

    Ó senhor “Fado Alexandrino”, se tem tanto a criticar, tire a máscara e assine por baixo!
    Se eu fosse dono do blog, só publicaria mensagens assinadas; comentários sob anonimato, como é o seu caso, é pura cobardia!

Comentar