Improviso quase metereológico…

À minha volta
todas as estradas foram ficando intransitáveis
dizem as notícias
que as pontes são agora
muros de neve
que nenhuma luz atravessa
aqueço as mãos numa sombra
que a noite enregela
e deixo-me acender nas palavras
à distância.

Ademar
27.12.2008

Comentar