Improviso para servir de almofada…

As portas e as janelas do pensamento
só o silêncio as abre
o silêncio que convida à renovação
do sentido das palavras
quem não se põe à escuta do universo
em si próprio
ensurdece.

Ademar
30.03.2008

Comentar