Antologia poética (466)…

Improviso para dizer por que fico…

Há viagens
que o meu corpo já não suporta
viagens à volta de mim
comigo ausente
viagens
por onde nunca serei
o meu corpo
exige-me agora raízes
para voar.

Ademar
03.08.2006
publicado em abnoxio3.blogs.sapo.pt

Comentar