A fragilidade do anonimato…

blo66.jpg
Público, 30.06.2008

Por uma questão de higiene cívica, raramente consulto (e muito menos divulgo) blogues de autores anónimos. Lido mal com o anonimato. Como lido mal com a corrupção, a venalidade, a vigarice, a demagogia…

A cidadania deve a si própria, sempre, a coragem (e a autoridade) da autoria. O cidadão que atira pedras, escondendo a mão, coloca-se na posição de quem não aspira a ter direitos, nem deveres. E essa irresponsabilidade não cabe na minha noção de cidadania.

Lamento que um blogue seja suspenso nas circunstâncias em que este o foi. Mas jamais prestarei solidariedade à cobardia…

4 Responses to “A fragilidade do anonimato…”

Read below or Comentar...

  1. BragaMaldita says:

    Só para dizer que quando a parada é elevada…o pseudónimo justifica-se. Ou o sr. gostaria que um dia um grupo de energúmenos a soldo de um cão gordo lhe chegasse a roupa ao pêlo ? Depende das paradas, até porque nada é absoluto. Abraço…maldito !

  2. Anónimo says:

    A braga maldita só é lida por quem não tem mais que fazer e por inconscientes.

  3. Anónimo says:

    caro abnoxio ! Diga ao anónimo dessa fartura que para peditórios desses já dei. Aníbal Duarte Corrécio

  4. Anónimo says:

    O anónimo das 16:54 é tão estúpido que não percebe que esse comentário também lhe cai como uma luva…
    Aos outros anónimos, têm alguma coisa a acrescentar às propostas? Tanta parra e pouca uva… Não fazem um corno, criticam e apresentar alguma coisa não? Façam alguma coisa de jeito em vez de andarem a ler estes blogs de gente sem mais nada para fazer.

Comentar